Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escrita sem sentido nenhum

É o nome mais justo, porque na verdade não tem sentido nenhum só uma grande vontade de escrever sobre o meu dia a dia, filhos, marido, isto de ser mulher, de estar longe dos meus, das saudades, dos bons amigos, das coisas simples...

Escrita sem sentido nenhum

É o nome mais justo, porque na verdade não tem sentido nenhum só uma grande vontade de escrever sobre o meu dia a dia, filhos, marido, isto de ser mulher, de estar longe dos meus, das saudades, dos bons amigos, das coisas simples...

05.Set.15

#111 Compras (muito bem ) pensadas!

Hoje a tarde fomos as compras para os miúdos, umas compras controladas que tinham de ser feitas com peso e medida - imprevistos no orçamento mensal - por isso corremos as capelinhas todas.

Lista mentalmente feita, e lá fomos nós. 

Primark, Zara , Seaside, H&M, Lefties. Roupa interior e calças para  o Francisco, sapatos e fatos de treino para a Inês, pijamas para os dois. 

Resultado: minhas - e as do Luis que ele também se queixa - ricas pernas!!!
Vim para casa feliz, satisfeita com o resultado.

No meio disto tudo lembrei-me que daqui a duas semanas sou eu a trabalhar ao fim‑de‑semana com aquele ar desesperado de quem comeu e não gostou, a loja cheia de gente, arrumo, desarrumam. 
Não tenho saudades nenhuma. 

Aí aí aí ainda falta - respira fundo. 

Edna Morais *

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.