Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Escrita sem sentido nenhum

É o nome mais justo, porque na verdade não tem sentido nenhum só uma grande vontade de escrever sobre o meu dia a dia, filhos, marido, isto de ser mulher, de estar longe dos meus, das saudades, dos bons amigos, das coisas simples...

Escrita sem sentido nenhum

É o nome mais justo, porque na verdade não tem sentido nenhum só uma grande vontade de escrever sobre o meu dia a dia, filhos, marido, isto de ser mulher, de estar longe dos meus, das saudades, dos bons amigos, das coisas simples...

11.Mar.15

#12 Dia de consulta

Consultas no Centro de saúde são para esquecer, apesar de na gravidez ir a uma obstetra, gosto de ir ao meu médico de família. 

Nunca se sabe o dia de amanhã - frase feita mas que faz todo o sentido - e se não aparecer lá de vez enquando, quando precisar de alguma coisa ele manda me passear. 

Já ia preparada para passar 2 ou 3 horas na sala de espera a ouvir aquelas conversas de gente maluca, tudo com muitas dores e doenças, cada um acha que esta pior que o outro.
O que normalmente faço para evita-las, é esperar no corredor.

Hoje para meu espanto fui atendida a horas, a consulta era as 15h e sai de lá as 15h30. 

Mas como tudo não é perfeito, apanhei uma médica estagiária que não percebeu nada do que eu estava a dizer. Faz parte, temos todos de aprender, nada contra estagiários. 
O meu médico apareceu no final para saber como tinha corrido. Correu bem na medida do possível, nunca tive tendência para ser queixinhas. 


Sai de lá cedo, fui buscar a minha piolha e ainda deu para ir lanchar com uma amiga e espairecer um bocado. 

Edna Morais *