Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escrita sem sentido nenhum

É o nome mais justo, porque na verdade não tem sentido nenhum só uma grande vontade de escrever sobre o meu dia a dia, filhos, marido, isto de ser mulher, de estar longe dos meus, das saudades, dos bons amigos, das coisas simples...

Escrita sem sentido nenhum

É o nome mais justo, porque na verdade não tem sentido nenhum só uma grande vontade de escrever sobre o meu dia a dia, filhos, marido, isto de ser mulher, de estar longe dos meus, das saudades, dos bons amigos, das coisas simples...

26.Set.18

#216 Copy paste

Edna Morais
      Quando estava gravida fartei-me de ouvir sobre  a facilidade que iria ter em tudo, do parto, de cuidar da Joana , pela minha (não) experiência por já ter 2 filhos. O já estas habituada , foi o que mais ouvi.     E pensava -  Habituada a que ??? A Inês e ao Kiko?! Sim é verdade.  Mas a Inês ao Kiko e a Joana não, por isso iria ser tudo novo para nós.   Chateava-me  sobre o parto por exemplo até porque de três partos que tive, só desta vez soube o que eram (...)
28.Fev.18

#213 Mais uma treta para nos preocuparmos (NOT)

Edna Morais
Hoje vi no Instagram uma foto da Sónia Tavares vocalista dos Gift onde ela dizia que foi criticada por ter postado uma foto em que estava como os comuns mortais, estava normal, mas chamaram na de desleixada. As pessoas estão sempre a inventar, estão sempre a exigir uma perfeição que não existe.   Quer dizer já disse muitas vezes que aquelas mulheres que vejo imaculadas de manhã , na moda , maquilhadas, a roupa toda direita, os filhos iguais, parece que sairam todos da capa de (...)
14.Set.15

#117 Aguenta coração

Edna Morais
Foi hoje o dia, o dia de começar a preparar o regresso ao trabalho, a rotina, dia de deixar o meu bebé. O menino da mamã como diz a tia S. , o meu menino. O coração estava pequeno, já estava assim desde ontem enquanto preparava as coisas dele para levar para a creche.  Tudo arrumado, tudo a porta. O sono não vem.  Ele acordou por volta das 2h para mamar, mamou, fiquei com ele no colo, abracei-o, beijei-o e ele continuava a dormir tranquilo. Acordamos, ele bem disposto, a mana (...)
14.Jun.15

#57 A compra!!!

Edna Morais
Há muito que sei das maravilhas da Bimby. Sim acho a Bimby uma maravilha e acredito que nas mãos de quem goste e saiba cozinhar os resultados ainda são melhores. Quando trabalhava na creche tinha uma colega que falava de uma maquina que fazia lasanha, arroz, doces. Eu não ligava nenhuma. Passado uns anos fez se o click era a bendita Bimby. A minha tia tem, a minha cunhada, as minhas amigas. Ando a anos a tentar convencer o Luís  a comprar uma, já lhe mostrei as maravilhas, ele (...)
12.Jun.15

#55 Amamentar sim ou não?

Edna Morais
Sempre disse que não ia dar de mamar - mais um sapo que engoli neste momento - fazia-me uma certa confusão.  Quando fiquei gravida da Inês frequentei as aulas de preparação para o parto, por esse motivo, para aprender, para saber o que fazer, como fazer. Ainda bem que o fiz. Não me posso queixar, porque correu bem, tinha medo de não ter leite, de ter muitas dores, dela não ficar saciada, graças a Deus não aconteceu nada disso e ela mamou até eu começar a trabalhar.  Apesar do (...)
22.Mai.15

#45 2 meses de ti

Edna Morais
2 Meses de Francisco Com cólicas e choro ao fim da tarde acompanhadas com birras da mana mais velha - e eu pelos cabelos, a pensar respira fundo, senão daqui a pouco somos 3 a chorar. Manhãs calmas a dois. Muitos beijinhos da mamã - tens uma pele tão fofa. Algumas noites calmas, com intervalos maiores para comer e para os pais dormirem. A dar boas vindas ao calor, com a pernoca e os braços ao léu. Muito mimo da mana - é bom vê-los juntos. Edna Morais *
22.Fev.15

#4 mãe querida, mãe querida

Edna Morais
Isto de ser mãe "solteira" tem muito que se lhe diga. Ainda ontem eu e a minha irmã mais velha comentávamos que a minha mãe devia dar em doida com os 3, ainda por cima todos seguidos, tipo fila indiana. Resumindo, passar um fim de semana prolongado (fim de semana + 6f) sozinha com uma criança de 2 anos e meio, ainda por cima estando barriguda, pesada, é dose . Por muita querida que a criança seja - sim, estou a falar da minha filha - o que tem de querida tem de teimosa, e ela (...)